Lançamento acontece em 30 de agosto, na livraria Argumento, no Leblon (RJ)

Um dos grandes desafios da sociedade moderna é reduzir o alto nível de poluição resultante de processos produtivos industriais. Segundo o Departamento de Resíduos Sólidos do Ministério do Meio Ambiente, o Brasil recicla somente 13% dos resíduos industriais. Dentro deste contexto, o livro Ecologia Industrial, das professoras Alessandra Magrini (Coppe/UFRJ) e Lilian Veiga (IFRJ), analisa a potencialidade, a viabilidade e a urgência de se empreenderem no Brasil experiências de reconfiguração e planejamento de arranjos produtivos com base nos princípios e instrumentos da Ecologia Industrial.

O livro foi organizado de maneira didática, abordando a questão da Sustentabilidade e da Economia Circular; passando por análises acerca da Gestão Ambiental, Localização Industrial e Ecologia Industrial. São apresentadas também quatro pesquisas sobre criação de Parques Eco-Industriais (PEIs) e Simbioses Industriais (SIs) e sobre a transformação de Distritos Industriais em Parques Eco-Industriais. No final, o livro traz um apanhado das experiências de PEIs e SIs em países desenvolvidos e emergentes com detalhes do caso brasileiro.

Victoria Santos, consultora do Instituto de Inovação em Biossintéticos do SENAI CETIQT e coautora do capítulo intitulado Planejando a Criação de Parques Eco-Industriais e Simbioses Industriais, destaca as ideias apresentadas para a criação e consolidação de redes de simbiose industrial: "a simbiose industrial preconiza a colaboração entre diferentes unidades produtivas por meio do intercâmbio ou compartilhamento de recursos, como resíduos, energia ou mesmo infraestrutura, visando tanto a melhoria do desempenho ambiental, como aumento de competitividade dos participantes". O livro inclui também estudos de casos do Distrito Industrial de Paracambi, na região metropolitana do Rio de Janeiro, e da indústria sucroalcooleira de Campos dos Goytacazes, no norte do estado. "A Ecologia Industrial oferece soluções de engenharia para a materialização da Economia Circular,  e a Simbiose Industrial é um dos instrumentos utilizados para este fim", afirma Victoria.

O SENAI CETIQT, instituição que é referência de ensino, consultoria e inovação nas áreas têxtil, de confecção e química, está atento a esse movimento, tendo lançado recentemente um projeto para estimular a criação de biostartups que apresentem soluções sustentáveis para os resíduos industriais. Além disso, o curso de Engenharia Química da instituição aborda junto aos alunos os conceitos apresentados no livro, contribuindo assim para a formação de profissionais preparados para atender as demandas da sociedade moderna, em linha com os princípios da sustentabilidade e da economia circular.

O livro Ecologia Industrial: Desafios na Perspectiva da Economia Circular  é especialmente indicado para gestores públicos, empresários, pesquisadores e acadêmicos. O lançamento acontece no dia 30 de agosto (quinta-feira), às 19h00, na Livraria Argumento, no Leblon (Rua Dias Ferreira, 417), Rio de Janeiro.

Unidade Riachuelo

Rua Magalhães Castro 174 - Riachuelo
CEP: 20961-020 - Rio de Janeiro - RJ

Unidade Barra

Centro Empresarial Mário Henrique Simonsen
Av. das Américas 3434 - Blocos 2 e 5
Térreo - Barra da Tijuca
CEP: 22640-102 - Rio de Janeiro - RJ

+55 21 2582-1001

(Central de Atendimento - 8h às 20h)

atendimento@cetiqt.senai.br

(Central de Atendimento)

Unidade Riachuelo

Rua Magalhães Castro 174 - Riachuelo
CEP: 20961-020 - Rio de Janeiro - RJ

Unidade Barra

Centro Empresarial Mário Henrique Simonsen
Av. das Américas 3434 - Blocos 2 e 5
Térreo - Barra da Tijuca
CEP: 22640-102 - Rio de Janeiro - RJ

+55 21 2582-1001

(Central de Atendimento - 8h às 20h)

atendimento@cetiqt.senai.br

(Central de Atendimento)

© SENAI CETIQT 2017

POLÍTICA DE PRIVACIDADE