EQUIPE

EQUIPE

O Instituto conta com equipe própria de pesquisadores, mestres e doutores, além de estagiários e bolsistas que participam efetivamente dos projetos.

Doutor na área de Gestão da Inovação pela Escola de Química (UFRJ), Mestre em Engenharia Química pela Coordenação dos Programas de Pós-Graduação em Engenharia – COPPE (UFRJ), e Engenheiro Químico formado pela Escola de Química (UFRJ). Atuou por 25 anos na Petroflex Indústria e Comércio S. A., maior produtora de borrachas sintéticas da América Latina. Como coordenador de equipe de P&D orientou os trabalhos de desenvolvimento e implementação de diversas melhorias operacionais em processos existentes e inúmeros novos produtos e processos, vários destes com patentes depositadas no país e no exterior. Atuou também na avaliação técnica e econômica de projetos de P,D&I e novos empreendimentos industriais, na formação de joint ventures, na elaboração de pedidos de financiamento e incentivos fiscais para a atividade de P,D&I e na construção do sistema de gestão da inovação da empresa. Com a venda do controle acionário da Companhia, foi o responsável pela reestruturação da área de Pesquisa e Desenvolvimento no grupo de integração LANXESS PETROFLEX. De 2008 a 2009 atuou como Gerente de Open Innovation da Diretoria de Inovação Tecnológica Corporativa da BRASKEM, onde foi responsável pela gestão das fontes externas de inovação, reestruturação da área de informação e conhecimento e a construção do núcleo de gestão do conhecimento. A partir de janeiro de 2010 assumiu a área de Prospecção e Avaliação em Renováveis. Foi então criada uma estrutura para monitoramento do ambiente em questão, identificadas e avaliadas diversas oportunidades e iniciados os contatos e discussões quanto a possíveis parcerias com empresas do setor. Além de inúmeras patentes, Dr. Paulo Coutinho possui artigos acadêmicos publicados e apresentou diversos trabalhos no Brasil e no exterior. Participou de bancas de mestrado e doutorado e vem atuando como professor na área em questão. Foi coordenador da Comissão de Tecnologia da Associação Brasileira da Indústria Química (ABIQUIM) e Diretor da Regional RJ da associação Brasileira de Engenharia Química (ABEQ) no período entre janeiro 2009 a janeiro de 2012. Atualmente é Gerente do Instituto SENAI de Inovação em Biossintéticos (SENAI CETIQT), e membro do Conselho Empresarial de Tecnologia e Inovação da Associação Comercial do Rio de Janeiro (ACRJ).

     

 

Possui Licenciatura e Bacharelado em Engenharia Agronômica pela Universidade de São Paulo (2004), com área de concentração em Biotecnologia. Concluiu seu Doutorado direto na área de Genética, também pela Universidade de São Paulo (2010). Cursou um ano do Doutorado na Inglaterra, na Universidade de Exeter. Foi bolsista de pós-doutorado PNPD/CAPES no Instituto Oswaldo Cruz-FIOCRUZ e atuou como Pesquisadora do grupo de Inovação e Tecnologia da Braskem. Tem experiência nas áreas de Biologia Sintética, Genética de Micro-organismos e Microbiologia, atuando principalmente nos seguintes temas: ecologia microbiana; isolamento e caracterização de micro-organismos; estudos de metagenomas; biologia sintética e engenharia genética de micro-organismos. Atualmente é coordenadora da plataforma de Biotecnologia do Instituto Senai de Inovação em Biossintéticos (SENAI CETIQT).

     

 

Engenheiro químico formado pela UFRJ (2005) com posterior ingresso no mestrado do Programa de Engenharia Química (PEQ) da COPPE/UFRJ. Devido ao bom desempenho obtido no início do mestrado foi convidado a ingressar direto no doutorado. Em 2011 defendeu tese de doutorado na área de processos de separação com membranas e biotecnologia e trabalhou como pesquisador no instituto de química em conjunto com a COPPE na área de produção de biossurfactantes e enzimas por fermentação submersa até 2015. Neste período orientou 4 alunos de iniciação científica, 1 de mestrado e 1 aluna de doutorado, além da geração de artigos na linha de processos fermentativos. Além disso, atuou como consultor de uma empresa de biotecnologia (EDB- Empresa de Desenvolvimento de Biotecnologia) na área de desenvolvimento de processo, mais especificamente produção, separação e concentração de ácido lático através de processos integrados com membrana, tais como microfiltração, ultrafiltração, além de eletrodiálise em escala piloto. Atualmente é responsável pela plataforma de transformação química do Instituto SENAI de Inovação em Biossintéticos (SENAI CETIQT), e também colaborara com o desenvolvimento de projetos na área de processos fermentativos.

     

 

Engenheiro Químico formado pela Universidade Federal de Alagoas (2009) onde atuou durante 4 anos como bolsista de iniciação científica do CNPq em projeto de pesquisa de desenvolvimento de células solares de dióxido de titânio. Em 2011 concluiu Mestrado em Tecnologia de Processos Químicos e Bioquímicos pela Escola de Química da Universidade Federal do Rio de Janeiro (EQ/ UFRJ) onde desenvolveu sua dissertação em um projeto de avaliação de cenários de cogeração de energia para uma planta química da Braskem em Alagoas. Participou do programa de Trainee da Braskem em 2011 atuando como engenheiro de processos na unidade de cloro e soda em Alagoas. Em 2012 foi transferido para a unidade de polietilenos da Braskem em Duque de Caxias atuando também como engenheiro de processos até agosto de 2015. Em 2014 concluiu o curso de Especialização em Processamento Petroquímico oferecido pela Braskem em parceria com a Universidade Petrobras. Atualmente é coordenador da plataforma de Engenharia de Processos do Instituto SENAI de Inovação em Biossintéticos (SENAI CETIQT) e doutorando no programa de pós-graduação da Escola de Química – UFRJ.

     

Bacharel em Engenharia Química pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ, 2001) e doutora em Economia e Administração pela Universidade de Trento (Itália, 2010). Sua tese “Regulação e Inovação na Indústria Química: o caso da União Europeia, 1976 – 2003” analisa a relação entre a regulação de produtos químicos e desenvolvimento tecnológico. Ela possui dezesseis anos de experiência em análise regulatória, prospecção tecnológica e desenvolvimento sustentável. Atuou como analista na Diretoria de Tecnologia da Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (FIRJAN) e foi gerente de Inovação e Sustentabilidade da Associação Brasileira da Indústria Química (ABIQUIM). Atualmente é responsável pela área de inteligência competitiva e propriedade intelectual no Instituto SENAI de Inovação em Biossintéticos (SENAI CETIQT).

     

Engenheiro de Materiais (UFSC, 2009) desenvolveu projeto de pesquisa na Universidade de Bremen (Alemanha, 2010), Mestre em Engenharia Química pela UNICAMP (2013), e Doutorando em Ciência e Tecnologia de Polímeros (IMA/UFRJ, 2019). Possui forte atuação em P,D&I de diferentes setores da indústria (Química, Cosmética, de Polímeros e Têxtil).  Em seu currículo, destaca-se a liderança em projetos de inovação de fibras e fios têxteis sintéticos na RHODIA S/A – Grupo Solvay. Atualmente é pesquisador em Inovação em Fibras do ISI Biossintéticos (SENAI CETIQT).

     

Doutorando do Instituto de Macromoléculas (IMA/ UFRJ), Mestre em Ciência e Tecnologia de Polímeros (IMA/UFRJ), Bacharel e Licenciado em Química (UNIGRANRIO). Também é especialista em Ciências Ambientais pela Fundação Técnico Educacional de Duque de Caxias – FEUDUC. Possui experiência na área de síntese de corantes sulfurosos, com ênfase em aplicações nos seguimentos Têxtil, Couro e Papel. Técnico químico e têxtil formado no SENAI CETIQT. Trabalhou 21 anos na multinacional Clariant S/A, com foco nas seguintes áreas: desenvolvimento de métodos analíticos, sínteses de corantes, P&D de produtos, controle de matérias prima, análise de efluentes, controle e correção e otimização de processos. Atualmente é professor adjunto na Fundação Técnico Educacional Souza Marques (FTESM) e responsável pela área de Inovação em Fibras do Instituto Senai de Inovação Biossintéticos na plataforma de Inovação em Fibras (SENAI CETIQT). É interlocutor da Rede Química Nacional do SENAI e participa do Comitê Setorial de Química Têxtil (CSQT) na Associação Brasileira da Industria Têxtil e Confecção (ABIT).

     

Engenheiro Químico formado em 2013 pela Universidade Federal de Sergipe com pesquisa em processos orgânicos, já tendo atuado nos temas: química dos lantanídeos e química computacional. Desenvolveu trabalhos referentes à modelagem cinética com ênfase nas reações presentes na tecnologia gas to liquid (GTL), como por exemplo: reação de Fischer-Tropsch e produção de gás de síntese em escala piloto, contendo tecnologia de reatores milicanais com perspectiva offshore. É mestre em Ciências da Engenharia Química pelo PEQ-COPPE-UFRJ e doutorando pela mesma instituição, tendo experiência como pesquisador na Fundação COPPETEC no período de 2014 a 2016 e como professor temporário na Escola de Química/UFRJ no período de 2015 a 2017. Desenvolve pesquisa relacionada à modelagem, simulação, otimização e controle de processos químicos industriais, com ênfase no processo de desidratação catalítica do etanol a eteno em escala industrial, além de experiência experimental na cinética heterogênea dessa reação em escala laboratorial. Possui capacidade em gestão e capacitação de pessoas, aptidão para análise e resolução de problemas, boa comunicação e habilidade para negociação, além de conhecimento em softwares matemáticos, simuladores de processo e linguagens de programação. Atualmente desempenha funções de Engenharia de Processos no Instituto SENAI de Inovação em Biossintéticos.

     

Engenheiro Químico e mestre em Engenharia de Processos Químicos e Bioquímicos pela Escola de Química da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Atuou como estagiário de engenharia de processos na Intratec Solutions em projetos de consultoria de processos de produção de biobutadieno e polietileno. Possui experiência na área de desenvolvimento de processos químicos e bioquímicos, envolvendo modelagem e simulação computacionais utilizando o pacote de softwares da Aspentech para avaliações técnico-econômicas de processos. Atualmente é aluno de doutorado do programa de Engenharia de Processos Químicos e Bioquímicos da Escola de Química – UFRJ e atua como engenheiro de processos no Instituto SENAI de Inovação em Biossintéticos.

     

Engenheira Química formada pela Escola Politécnica / UFBA com títulos de Doutora em Ciências (D. Sc.) em Planejamento Energético pela Coordenação dos Programas de Pós Graduação em Engenharia (COPPE) / UFRJ e Mestre em Ciências (M. Sc.) em Planejamento Energético na mesma instituição com enfoque em biorrefinaria e ecologia industrial. Trabalhou de Janeiro de 2008 até Fevereiro de 2011 na Braskem S.A. como engenheira de automação e controle de processos onde gerenciou e aperfeiçoou sistema de otimização em tempo real da planta de etileno com interface com sistema de controle avançado de processos e atuou projeto de migração de sistema de controle regulatório, gerenciando migração da interface gráfica. Entre Março de 2011 e Março de 2018 atuou em projetos de pesquisa na UFRJ em parceria com empresas e outros institutos para revisão de sistema de gestão ambiental privado e análise de ciclo de vida, também foi colaboradora durante dois anos da Diretoria de Tecnologia e Inovação da COPPE/UFRJ na articulação com empresas e planejamento estratégico da área de prospecção de parcerias com setor produtivo. Atuou ainda no exterior como pesquisadora júnior durante 4 meses na UAB, Barcelona (Espanha) em análise metabólica de sistemas sócio técnicos, e pesquisadora visitante durante 1 ano e 4 meses na TUDelft, Delft (Holanda) em modelagem de sistemas sócio técnicos. Atualmente é Especialista da área de Engenharia de Processos do Instituto SENAI de Inovação em Biossintéticos e responsável por prospecção e gestão de projetos da área.

     

Bacharel em Química com ênfase tecnológica formada pela Universidade Estadual de Campinas (2011) e Doutora em Química Orgânica pela Universidade de São Paulo (2018). Durante o ano de 2011 realizou um estágio junto ao Laboratório Nacional de Ciência e Tecnologia do Bioetanol (CTBE), onde desenvolveu um projeto relacionado a estudos cinéticos de pré-tratamentos hidrotérmico e organossolve aplicados ao bagaço de cana-de-açúcar com o objetivo de maximizar as composições da diferentes correntes de processo. Em 2012 iniciou o projeto de doutorado direto em Química Orgânica junto ao Grupo de Físico-Química Orgânica do Instituto de Química de São Carlos (IQSC) da Universidade de São Paulo (USP), em colaboração e executado no CTBE. Seu projeto de tese esteve relacionado ao desenvolvimento e à aplicação de métodos físico-mecânicos (refino) ao bagaço de cana-de-açúcar com o intuito de modificar a ultraestrutura da parede celular, aumentar a produção de açúcares fermentescíveis e produzir substratos adequados para a obtenção de nanoestruturas de celulose. Ainda no CTBE, desenvolveu projetos de pesquisa relacionados a caracterizações químicas, físicas e morfológicas aplicadas às biomassas lignocelulósicas e também à otimização de ensaios de sacarificação de licores e resíduos sólidos com glicosil-hidrolases comerciais. Também realizou um período de doutorado sanduíche na França (2015), no Institut Polytechnique de Grenoble (INP/Pagora), onde trabalhou com o desenvolvimento de métodos de obtenção e a caracterização de nanoestruturas de celulose a partir de polpas não branqueadas de bagaço. Atualmente é Consultora em Pesquisa em Engenharia de Processos no Instituto SENAI de Inovação em Biossintéticos (SENAI CETIQT).

     

Engenheiro químico graduado na faculdade SENAI-CETIQT (2017) e mestrando no Programa de Pós-graduação em Engenharia de Processos Químicos e Bioquímicos da Escola de Química da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Atuou como estagiário no Instituto SENAI de Inovação em Biossintéticos por 2 anos onde adquiriu experiência na área de simulação computacional de processo e estimativa de custos para a elaboração de avaliações técnico-econômicas de processos. Também possui conhecimentos de programação e computacional fluid dynamics (CFD). Ao final de sua graduação e estágio foi contratado para integrar a equipe de engenharia de processos do Instituto SENAI de inovação em Biossintéticos.     

Graduado em Tecnologia em Processos Químicos (2010) e Bacharel em Química (2011) e Mestrado (2012) e Doutorado (2016) em Ciência e Tecnologia de Polímeros, com vivência internacional em Portugal atuando como pesquisador pelas Universidades de Lisboa e do Minho. Longa experiência na área de polímeros principalmente, nos setores de processamento, síntese e técnicas de caracterização de materiais químicos, bem como em analisar e desenvolver projetos de novos materiais e produtos. Experiência didática em Disciplina de Tecnologia de Polímeros e Fundamentos de Tecnologia de Polímeros Experimental no Instituto de Macromoléculas (IMA/UFRJ). Experiência com pesquisa de mercado para o desenvolvimento e execução de projetos visando novos produtos tecnológicos. Atualmente desempenho a função de Analista de processos no Instituto SENAI de Inovação atuando em gestão e gerenciamento de qualidade de projetos elaborando, apoiando e monitorando cenários e metas orçamentárias gerenciais.

Possui curso técnico em química pela Fundação Técnico Educacional Souza Marques. Foi estagiária na área de avaliação de catalisadores para processo de craqueamento catalítico, no Centro de Pesquisa e Desenvolvimento da Petrobras. Atuou na Companhia de Bebidas das Américas, como técnica em química do laboratório de análises físico-químicos do processo cerveja. Atuou como técnica em química no Centro de Pesquisa e Desenvolvimento da Petrobras, na área de avaliação de catalisadores de reforma a vapor para processos de hidrogenação. Atualmente é assistente técnica do laboratório de transformação química do Instituto Senai de Inovação em Biossintéticos. Possui participação na implantação do laboratório, atua com hidrogenação em reatores de alta pressão e análises de rotina.

Graduada em Administração de Empresas em 2015, atualmente cursando Pós-Graduação em Administração na Fundação Getúlio Vargas – FGV/RJ. Experiência com rotinas administrativas, auditoria, atendimento ao cliente em hotelaria, tecnologia e vendas, análise e controle de fraudes. Atualmente atua na área de gestão de projetos no Instituto SENAI de Inovação em Biossintéticos.

 Mestre em engenharia química pelo programa de engenharia química da coppe, universidade federal do rio de janeiro (2013) onde atuou no desenvolvimento de catalisadores suportados em carbonos aplicados às reações de hidrogenação. Possui graduação em química industrial pela universidade federal de sergipe atuando como bolsista de iniciação tecnológica em projetos que envolviam extração e purificação de óleos vegetais, síntese de biodiesel e tratamento de água. Durante a graduação atuou também na empresa junior de engenharia e projetos industriais na diretoria de projetos desenvolvendo sabão a partir de óleos reutilizados. Foi voluntário no laboratório brasileiro de controle de dopagem, do instituto de química da universidade federal do rio de janeiro durante os jogos olímpicos rio 2016, atuando na recepção de amostras de urina dos atletas olímpicos, bem como o preparo e caracterização das mostras via cromatografia gasosa acoplada à espectrometria de massas (gcms). Atualmente trabalha como pesquisador no instituto senai de inovação em biossintéticos e é aluno de doutorado do programa de engenharia química da coppe/ufrj cujo tema de estudo é a produção de borracha de estireno-butadieno por polimerização aniônica em solução com iniciadores bifuncionais. Atua também em diferentes projetos ligados à poliolefinas, como polisobutenos. Portanto, tem conhecimento nas áreas de engenharia química com ênfase em: polímeros, poliolefinas, hidrogenação de glicose, catálise heterogênea, biodiesel, purificação de óleos vegetais (degomagem, winterização), moringa, girassol e extração química.

Técnico em Química formado pelo IFF – Campos dos Goytacazes/RJ e graduando em Engenharia Química pela UERJ. Atuou como estagiário na Petrobras em Macaé/RJ no laboratório de Teor de Óleos e Graxas em água produzida nas plataformas offshore e no Laboratório de Análises de Efluentes Sanitários. Em 2010, na SGS do Brasil, trabalhou no Laboratório de Análises Físico-Químicas e auxiliou ensaios no Laboratório de Análises Microbiológicas. Em 2011, na Halliburton, atou como Técnico de Laboratório no setor de cimentação onde era responsável pela execução de testes específicos para pastas de cimento utilizadas em poços de petróleo e interpretação de seus resultados. Durante o restante de sua carreira, trabalhou em laboratórios offshore realizando ensaios em fluidos de perfuração e completação para acompanhamento e manutenção de suas propriedades. No ano de 2016 teve a oportunidade de trabalhar em um projeto do Instituto Senai de Inovação em Biossintéticos com operação de um reator de baixa pressão realizando reações de polimerização. Atualmente trabalha no Laboratório de Transformações Químicas no ISI Biossintéticos apoiando a realização de ensaios em reatores de baixa e alta pressão e caracterização de produtos por meio de cromatografia e análises químicas em geral.

Graduando em Marketing, Técnico Têxtil (SENAI/CETIQT 1998), possui 20 anos de experiência em processos produtivos têxteis, com foco nas áreas de fiação, tecelagem e malharia. Atuou em implementações/auditorias de certificações de qualidade. Trabalhou 11 anos no segmento Têxtil automotivo com foco nas áreas de Qualidade e desenvolvimento. Atualmente pesquisador do Instituto Senai de Inovação Biossintéticos na plataforma Coordenação de Inovação em Fibras – SENAI CETIQT.

Possui curso Técnico em Química (2007) pelo Colégio de Aplicação Emmanuel Leontsinis, Bacharel em Química pela Faculdade Souza Marques e Mestre em Tecnologia de Processos Químicos e Bioquímicos pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (EPQB—UFRJ). Atuou como estagiário de nível técnico em laboratório de produção de cosméticos dermatológicos (1 ano – SAMANA), estagiário de nível superior em laboratório de produção de ácido clorídrico e hidróxido de sódio (1 ano / PAN-AMERICANA), como bolsista de iniciação científica na área de Biolixiviação e Biooxidação de minérios contendo metais preciosos (1 ano e 10 meses – CETEM) e Auxiliar de Pesquisa em Biolixiviação (2 anos /CETEM). Trabalhou durante 2 anos e 7 meses na Escola de Química (EQ –UFRJ) em parceira com o CENPES como bolsista DTI de nível superior, desempenhando atividades na área de biodegradação de compostos orgânicos e  extração de ácidos orgânicos presentes no petróleo. Atualmente é Técnico do Laboratório de Biossintéticos do Instituto SENAI de Inovação em Biossintéticos.

Bacharel em Ciências Biológicas pela USP (2013) e Mestre pelo Programa Interunidades em Biotecnologia USP/IPT/Instituto Butantã, atua desde 2010 em ciência aplicada nas áreas de biologia sintética e molecular, microbiologia industrial, biopolímeros e substratos renováveis. Participou na organização e desenvolvimento técnico da primeira equipe da USP na competição iGEM em 2012 onde a equipe conquistou a medalha de prata. Desenvolveu parte do seu projeto de Mestrado no JBEI (Joint Bioenergy Institute) CA, EUA onde desenvolveu pesquisas relacionadas a transformação de biomassa em químicos industriais de alto valor agregado. De 2016 a 2017, como especialista em biologia molecular, atuou no setor privado de diagnóstico humano na implantação da infraestrutura laboratorial, desenvolvimento e aplicação de novas metodologias na rotina de exames. Atualmente é pesquisador do Instituto SENAI de Inovação em Biossintéticos na plataforma de Biologia Sintética.

Técnico em Química formado no IFRJ, com ênfase em controle de processos e graduando em Química Industrial pela UFRJ. Tem experiência nas áreas de química analítica e química orgânica e na área de microbiologia e bioquímica, atuando no preparo de meios de cultura, controle e acompanhamento de processo fermentativo (biorreatores de bancada e em escala piloto). Foi aluno de iniciação científica do Laboratório de Processos de Separação com Membranas e Polímeros, da COPPE/UFRJ, atuando no preparo de nanocompósitos poliméricos com argila e óxidos metálicos. Trabalhou como técnico em química no Laboratório de Bioprocessos II, do Programa de Engenharia Química da COPPE/UFRJ. Também foi aluno de iniciação científica na Fundação Oswaldo Cruz (FIOCRUZ). Atualmente, Técnico do Laboratório de Biossintéticos do Instituto SENAI de Inovação em Biossintéticos.

Formada em Engenharia de Bioprocessos e Biotecnologia pela Universidade Federal do Paraná (UFPR) em 2012, período em que atuou por 2 anos e 6 meses como bolsista de iniciação científica do CNPq com pesquisa relacionada à produção de anticorpos recombinantes utilizando a técnica de phage-display. De 2012 a 2013 obteve experiência na empresa GCTbio como estagiária e pesquisadora assistente em bioprocessos, envolvida em projeto de desenvolvimento e otimização do processo produtivo de fruto-oligossacarídeos (produção de enzimas por fermentação, conversão enzimática e recuperação e purificação). Em 2016 obteve o título de Mestre em Ciências em Biotecnologia pela Universidade de São Paulo (USP) desenvolvendo a dissertação na área de produção de enzimas heterólogas em E.coli em cultivo livre de antibióticos para a aplicação na produção de etanol de segunda geração. De 2015 a 2017 atuou como analista de laboratório sênior da empresa holandesa DSM, onde foi responsável pelo planejamento e execução de experimentos para avaliar aplicação das tecnologias da empresa (enzimas e leveduras geneticamente modificadas) para a produção de biocombustíveis de primeira e segunda geração. Atualmente, é pesquisadora em biologia molecular no Instituto SENAI de Inovação em Biossintéticos – SENAI CETIQT.

Bacharel em Biotecnologia com ênfase Biotecnologia Molecular pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2015), Técnica em Química pela Fundação Liberato (2011) e estudante de MBA em Gestão Empresarial pela Fundação Getúlio Vargas. Realizou intercâmbio sanduíche na Universidad de Cádiz (Espanha).  Tem experiência na área de Biologia Molecular, especialmente na análise de expressão gênica, sequenciamento de DNA e engenharia genética. É cofundadora e coordenadora do Profissão Biotec, movimento focado em divulgação científica e consolidação da Biotecnologia no país. Atualmente é Analista de Processos no Instituto Senai de Inovação em Biossintéticos – SENAI CETIQT.

Possui graduação em Ciências Biológicas, modalidade Genética, pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2011), Mestrado em Biologia Celular e Molecular pela Fundação Oswaldo Cruz (2013) e Doutorado em Biologia Computacional e Sistemas pela Fundação Oswaldo Cruz (2017). Tem conhecimento na área de Biologia Molecular, Biologia Computacional e Bioinformática, com experiência em clonagem e expressão de proteínas, bioquímica de micro-organismos, bioinformática estrutural, modelagem molecular de proteínas, planejamento de fármacos auxiliados por computador e abordagens computacionais para análise de vias metabólicas. Atualmente é Pesquisadora na área de Bioinformática na plataforma de Biotecnologia do Instituto SENAI de Inovação em Biossintéticos (SENAI CETIQT).

Possui curso Técnico em Química (2014) pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio de Janeiro – IFRJ e atualmente cursa graduação (5° Período) em Engenharia Química na Universidade Federal do Rio de Janeiro – UFRJ. Atuou como Bolsista de Iniciação Científica na área de Síntese Orgânica e Química Medicinal no projeto intitulado “Síntese de Adutos Hetero Diels Alder com potencial ação biológica” durante 1 ano e 7 meses no Núcleo de Ciências Químicas (NCQ –  IFRJ). Realizou estágio supervisionado durante 6 meses no Centro de Pesquisas da Petrobras (CENPES) na área de desparafinação e desaromatização e posteriormente atuou como Técnico em Química no Centro de Pesquisas da Petrobras (CENPES) desempenhando atividades na área de Catálise e Hidrorrefino, operando microrreatores de HDT. Atualmente é Técnico do Laboratório de Biossintéticos do Instituto SENAI de Inovação em Biossintéticos.

Graduado em Química com Atribuições Tecnológicas pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, em 2008. Ingressou na pós-graduação em 2009, tendo concluído o Mestrado e posteriormente o Doutorado em Bioquímica pelo Programa de Pós-Graduação em Bioquímica do Instituto de Qúimica da UFRJ.  Teve a oportunidade de orientar alunos de iniciação científica e mestrado, além de colaborar na produção de artigos científicos, capítulos de livros e patentes. Possui experiência nas áreas de engenharia de proteínas, expressão de proteínas heterólogas, planejamento experimental, biologia molecular, biotecnologia, síntese de complexos e de compostos organometálicos. Atualmente atua como pesquisador no Instituto SENAI de Inovação em Biossintéticos.

Unidade Riachuelo

Rua Magalhães Castro 174 - Riachuelo
CEP: 20961-020 - Rio de Janeiro - RJ

Unidade Barra

Centro Empresarial Mário Henrique Simonsen
Av. das Américas 3434 - Blocos 2 e 5
Térreo - Barra da Tijuca
CEP: 22640-102 - Rio de Janeiro - RJ

+55 21 2582-1001

(Central de Atendimento - 8h às 20h)

atendimento@cetiqt.senai.br

(Central de Atendimento)

Unidade Riachuelo

Rua Magalhães Castro 174 - Riachuelo
CEP: 20961-020 - Rio de Janeiro - RJ

Unidade Barra

Centro Empresarial Mário Henrique Simonsen
Av. das Américas 3434 - Blocos 2 e 5
Térreo - Barra da Tijuca
CEP: 22640-102 - Rio de Janeiro - RJ

+55 21 2582-1001

(Central de Atendimento - 8h às 20h)

atendimento@cetiqt.senai.br

(Central de Atendimento)

© SENAI CETIQT 2017

POLÍTICA DE PRIVACIDADE